Número total de visualizações de página

quinta-feira, 13 de junho de 2013

A FÉ EM DEUS


13 de Junho, dia de Santo António de Lisboa.
Um dos santos mais populares de todos os tempos do século 12 e 13. Só viveu 38/39 anos...
Missionário franciscano.
Apaixonado pelo evangelho, por Jesus Cristo e pela Igreja.
Modelo de vida e de fé para todos nós.
Falou, pregou e viveu o que pregou...
_______________________________
 
Fé é luz que ilumina a vida, ajuda a ver mais longe e sal que dá gosto de viver.

A fé não é uma aspirina espiritual que cura as dores de cabeça da vida.
Pelo contrário, se levarmos a sério a nossa fé em Jesus Cristo teremos muitas dores de cabeça.

Apesar de tudo isto, a fé autêntica e vivida a sério traz-nos uma alegria profunda e genuína, não apenas uma alegria superficial.
Traz-nos uma paz que nada nem ninguém nos pode dar; uma confiança e serenidade em todos os momentos da vida.

A fé conforta os aflitos e aflige os confortados.

A fé em Deus diz-nos que não podemos amar a Deus se não amarmos os outros com quem vivemos.
Só é verdadeiro amor a Deus aquele que inclui o amor aos outros.

A verdadeira fé requer e exige que vivamos não só para nós, mas também para os outros, numa atitude de ajuda e de serviço.

A fé cristã deve ser madura, adulta, esclarecida através de um aumento de conhecimentos da Bíblia, lendo bons livros de formação religiosa, da liturgia, dos sacramentos, rezando, participando em grupos de formação.

A fé leva-nos a ver mais com os olhos do coração e da mente, como se víssemos o Invisível.

Sem comentários:

Enviar um comentário