Número total de visualizações de página

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

DEUS E OS HOMENS MAUS


http://deixadeusentrar.blogspot.com


Porque criou Deus homens tão maus?
    Na primeira página da Bíblia, está escrito que Deus criou o homem à sua imagem e semelhança, e que viu que isso era muito bom.
O homem não foi criado mau – foi criado livre; é por isso que nós não somos obrigados a fazer o bem.
Se, um dia, soubesses que os pais de um teu amigo o obrigavam a gostar de ti, ficarias triste com isso…
O que acontece é que o Homem nem sempre faz o bem. Adão e Eva não quiseram dar ouvidos a Deus. Caim matou o seu irmão Abel… (Estas histórias que podes encontrar no livro do Génesis 3 e 4). Porquê?É um mistério, tal como quando tu também praticas o mal. Nunca te aconteceu, numa altura em que as coisas estavam a correr bem, fazeres uma asneira e estragares tudo? Porquê? Não sabes, mas reconheces que poderias tê-lo evitado…
Deus sabe disso tudo e sofre com isso. Foi por essa razão que nos enviou Jesus. Com o seu perdão na cruz, Ele fez com que o amor triunfasse onde só havia ódio. A maldade dos homens não terá, por isso, a última palavra.

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

A FÉ EM DEUS CRIADOR

 
 
A base da vida
A vida é um mistério e um problema para o ser humano. A vida foi-me dada como tarefa.
a)Que fazer dela?
   1 – Conservar – Conservação
   2 – Proteger – Protecção
   3 – Transmitir – transmissão
Conservar a vida porque ela não se mantém por si mesma. Cuidados, alimentação. A vida está ameaçada é preciso protege-la (doenças, crises) violência… Transmitir a vida a outras gerações.
A vida passa. A morte é inevitável. Terá a morte a última palavra?
    A morte não é a vida e a vida não é a morte. Desde sempre as pessoas acreditam que há Alguém que ajuda a conservar, proteger e transmitir a vida. Esse Alguém é Deus. A vida está ligada profundamente a Deus.
A vida e a consciência desemboca em Deus.
Só Deus nos dá segurança;
Só Deus explica o sentido da vida, garante a sua permanência e impede que ela se extinga.
     A confiança na vida é confiança em Deus.
    Para conservar, proteger e transmitir a vida é preciso alicerçar-se naquele que é o Autor da Vida = Deus.
    Na base da vida consciente está um acto de fé em Deus.
   O objectivo de Deus (e também dos Homens) é que haja vida mais abundante: vida melhor.
    A vida é-nos dada para ser vivida e envolve a liberdade, o sentimento, a inteligência e a vontade.
   - Ser livre e usar bem a liberdade.
   - Ter sentimentos puros e bons.
   - Ter conhecimento que busca a verdade.
   - Ter amor que se traduz no bem dos outros.
Tudo isso leva a entender o mistério da vida conservada, protegida e transmitida.
Isso leva a fazer um acto de Fé na Providência.

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

ANO DA FÉ- CREDO- REFLEXÃO

 
 
Profissão de fé - Credo
Trata-se de uma declaração pública daquilo em que cada um acredita.
    O Credo é o resumo da nossa fé cristã, não é uma oração.
Creio= Acredito, confio, comprometo-me a viver, a defender e a testemunhar a minha fé em Deus até dar a vida, se necessário.
Um só Deus- Acreditamos que há um só Deus – monoteísmo. Mas Jesus Cristo revelou-nos que Deus é Trindade de Pessoas: um só Deus em Três Pessoas, o Pai, o Filho e o Espírito Santo.
“A Deus, jamais alguém O viu. O Filho Unigénito, que é Deus e está no seio do Pai, foi Ele quem O deu a conhecer” (Jo 1,18).
Pai – Jesus referiu-se a Deus chamando-Lhe de Pai: “Meu Pai e Vosso Pai; Meu Deus e vosso Deus”.
“Rezai assim: Pai-Nosso”.
Cada um sentir-se filho muito amado por Deus Pai.
Todo-Poderoso- O poder de Deus é o poder do amor para o bem. Deus nunca usa o poder para o mal, para castigar, para se vingar.
Deus é Amor e só sabe amar. Só quer o nosso bem.
Criador – Ser Pai é ser Origem, ser Fonte de tudo o que existe: tudo procede d’Ele: as coisas, a terra, o céu, tudo quanto se vê e não se vê, todo o universo, todos os Homens.
Tudo é criado por Deus, mesmo que tenha havido uma evolução dos seres e isso não nos repugna. Mas no princípio, na origem de tudo, está Deus.
Creio em um só Senhor, Jesus Cristo
- Dizer que Jesus Cristo é o Senhor, quer dizer que Ele é Deus. Os primeiros cristãos passaram a chamar a Jesus de Nazaré de “Senhor”. Isso quer dizer que O reconheceram como Deus.
Jesus Cristo- O nome traduz e exprime a pessoa.
“Jesus” significa “Deus é Salvador”.
“Cristo” significa “Ungido, Messias”.
Deus tinha prometido um Salvador, um Libertador ainda maior do que Moisés. Jesus Cristo é esse Filho de Deus Salvador e Libertador.
(continua)
 

terça-feira, 20 de novembro de 2012

ANO DA FÉ E ORAÇÃO CRISTÃ


 
 
Não basta ser batizado, cristão, católico.
 
Nós deveríamos querer ser melhores cristãos,
 
consagrando a nossa vida a Deus e ao Seu Reino.

É na Liturgia e nos sacramentos que nos encontramos
 
com Jesus Cristo vivo hoje e ressuscitado.
 
É na Eucaristia e nos sacramentos que alimentamos a
 
vida de Deus em nós e nos vamos projetando para a
 
eternidade.

Cristo hoje está vivo e ativo na nossa vida por meio da
 
Igreja. É por ela que hoje sentimos Deus presente na
 
nossa vida ajudando, salvando, amando, perdoando,
 
curando.

A Liturgia é a Fonte da Vida de Deus sempre a jorrar sobre nós e é nela que podemos sentir Cristo vivo amando-nos e derramando sobre nós o amor misericordioso e salvador de Deus.

Temos de sentir fome e sede de Deus presente na
 
Eucaristia, onde podemos ter uma união mais íntima
 
com Jesus Cristo, com Deus Pai e com o Espírito Santo.

Tudo deve conduzir à Eucaristia e tudo deve partir dela.
 
A Eucaristia é o ponto de chegada (vimos à igreja),
 
oferecemos a nossa vida para Deus a transformar e é
 
ponto de partida (vamos da igreja para casa) levando
 
Jesus connosco para ajudar a transformar o mundo do
 
dia-a-dia.

Nós somos a Igreja Peregrina neste mundo e que precisa
 
de se alimentar espiritualmente para chegar com uma
 
vida forte e abundante à vida que nos espera com a
 
morte.

Quem morreu é igreja que se purifica no purgatório e
 
que pode precisar das nossas orações de intercessão me
 
de sufrágio; ou pode ser Igreja Triunfante que já se
 
encontra junto de Deus Pai a interceder por nós.

A Eucaristia, tem, por isso, esta dimensão escatológica:
 
prepara-nos a antecipa o encontro com Deus no Céu.

 

sábado, 17 de novembro de 2012

ANO DA FÉ- A PRESENÇA DO PAI


ANO DA FÉ

http://deixadeusentrar.blogspot.com


Amor paterno.
Quando o pai se dá aos filhos numa relação pessoal tu a tu, semelhante a Deus, com profundo respeito pelos filhos que faz brotar a confiança e o que há de bom no outro. Serviço desinteressado aos filhos.

Dedicação do pai aos filhos; respeito do pai pelos filhos que são imagens e semelhanças de Deus; confiança na sua pessoa e na sua missão de educador e confiança nos filhos.

O amor do pai tem de ser completado com a sua sabedoria e o seu cuidado e preocupação pelos filhos.

Educação: fazer tudo por amor, tudo através do amor e tudo para o amor. Tudo vem de Deus e o pai terreno participa desse amor original de Deus.

A grande carência do tempo atual é a falta do pai. Primeiro falta o pai da terra e a consequência é que falta também o Pai do Céu. Assim, a pessoa não entende Deus como uma pessoa, um ser pessoal e não entende Deus como Pai.

Mas este Deus tem de ser entendido na Sua ternura e misericórdia.

Esta imagem de Deus deve entrar não só na cabeça, mas também na vontade e no coração. Quando a pessoa entender a ternura e a misericórdia de Deus Pai, transferida da ternura e misericórdia do pai terreno, mais facilmente entrará numa intimidade com Deus Pai e na Sua ternura de Pai.

A relação entre pai e filho no espaço da família e a respetiva vivência, são expressão para a vivência do Pai do Céu.

É muito importante esta imagem de Deus Pai como um Deus de Amor misericordioso.

Deus ama-nos, não tanto por sermos bons e justos, mas ama-nos porque Ele é Pai e é Amor, apesar das nossas fraquezas e misérias enos quer tornar bons.

Diante de Deus devemos manifestar a nossa profunda miséria e não termos medo de sermos pecadores e pedirmos perdão a Deus.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

FUNERAL DE MINHA MÃE

.
FUNERAL DE MINHA MÃE
Minha mãe, Ilda de Sousa, adormeceu ontem para sempre no Senhor. Dia 13 de Novembro, 2012.
Eram 14H00. Tinha 86 anos e meio.
Tive a graça de estar com ela no momento da sua passagem deste mundo para o Pai do Céu.
Minha mão estava agarrada à sua no momento em que adormeceu para sempre no Senhor da Vida a quem tanto amou nesta vida.
Ainda teve tempo de me dar 3 abraços que eu prolonguei durante muitos minutos, pressentindo a sua partida.
Esperou para se despedir de mim e partiu para os braços do Pai, uma hora depois de eu chegar.
O Senhor concedeu-me a graça que Lhe pedi...
Muito obrigado, Senhor.
Louvado seja o Senhor.
Nas memórias que fizemos escrevemos:
"Senhor, seus olhos se fecharam,
                para poderem ver o Teus.
Seus ouvidos se fecharam,
                para poderem ouvir a Tua voz.
Su boca se fechou,
               para Te poder louvar no Céu.
Seu coração parou,
              para Te poder amar eternamente no Paraíso.
Muito obrigado, Senhor".
 

sábado, 10 de novembro de 2012

ANO DA FÉ

          
 
 
 
ANO DA FÉ.
Ano da fé.
 
Ano de conhecer mais e melhor as verdades da nossa fé, conhecer e interiorizar mais e melhor o amor de Deus Pai e de Jesus por nós. Deus como 3 Pessoas.
Ano de celebrar mais e melhor a nossa fé, sobretudo a Eucaristia e a Reconciliação (confissão ou penitência).
Ano de viver melhor a nossa fé cumprindo os mandamentos, as obras de misericórdia e aas bem-aventuranças.
Ano de rezar mais e melhor para aprofundar a presneça de Deus em nós.
 
Pedra na água...
Esponja na água...
 
Não queiras ser como a pedra na água que nada recebe dela. Pedra dura, fria, orgulhosa, soberba, altiva.
Está na água, mas a água não está na pedra.
Está seca por dentro.
 
Ano da Fé, é tempo de ser como uma esponja na água. Deus é a água viva e tu podes receber muitos dons do seu amor se fores dócil, manso, humilde, simples, bondoso.
Tu em Deus e Deus em ti. Tu em Cristo e Cristo em ti. Tu no Espírito Santo e o Espírito Santo em ti.

DEUS PRESENTE NO MEIO DE NÓS

http://deixadeusentrar.blogspot.com

DEUS ESTÁ EM TODA A PARTE:

1- Deus está no Céu = situação de felicidade, onde está Jesus Cristo, o Espírito Santo, Nossa Senhora e todos os santos.

2- Deus está no meio de nós, quando nos reunimos em seu nome para rezar.

3- Deus está presente Palavra da Escritura – A Bíblia. Deus fala para nós aí.

4- Deus Filho- Jesus Cristo, está presente no sacrário.

5- Deus está presente na pessoa do sacerdote.
Deus fala e atua pelo sacerdote. Este empresta-lhe toda a sua pessoa: mãos, boca, pés, coração, inteligência…

6- Deus está presente em cada um de nós, em cada pessoa.

7- Deus está presente em toda a natureza. Ao olhar para a natureza linda e bela, com ordem e harmonia eu penso em Deus que criou o sol, a lua, as estrelas, os mares, as plantas, os animais, a pessoa humana.

Tudo o que existe tem um autor. Nenhum ser dá o Ser a si mesmo, recebe de outro. O mundo não deu o ser a si mesmo. Recebe-o de Deus que é Eterno, sem princípio nem fim.

Deus fica contente quando nós SOMOS BONS E FUGIMOS DO MAL.

Afastar-se de más companhias, maus colegas, maus ambientes…
Andar com bons colegas.
Não aceitar as más ideias ou más sugestões dos outros.
Ser forte contra as tentações que nos puxam para o mal.

Meu irmão e minha irmã que me lês, pensa:

JÁ TE ENCONTRASTE COM JESUS CRISTO HOJE?

JÁ FALASTE PARA ELE?

JÁ O LOUVASTE?
JÁ LHE AGRADECESTE TANTA COISA BOA QUE TENS NA VIDA?

Podes fazir isso agora mesmo.
Fecha os teus olhos e fala com Jesus no teu coração.
Faz silêncio e escuta o que Jesus tem hoje para te dizer.

terça-feira, 6 de novembro de 2012

A PALAVRA QUE LEVA AO SILÊNCIO

 
John Main, A palavra que leva ao silêncio
 
1.Sermos restituídos a nós próprios
A oração e a meditação devem levar-nos a uma relação de criaturas com Deus, nosso Criador.
Primeiro temos de entrar em contacto connosco, num clima de paz, de serenidade e de harmonia, antes de podermos apreciar o nosso Deus e Criador que é o autor de toda a harmonia serenidade.
Primeiro, estar em paz connosco, para depois estarmos em paz com Deus. A fonte do sossego das nossas vidas diárias é a vida de Deus dentro de nós. Mas primeiro, temos de decidir se queremos ou não estar em paz.
O amor de Deus foi derramado nos nossos corações por meio do Esp Santo que nos habita.
Esta é uma verdade fundamental da fé Cristã: o Esp Santo está em nós. A nossa fé torna-se tanto mais viva quanto mais o Esp Santo vivo de Deus habite em nós, dando uma nova vida aos nossos corpos mortais.
Esta presença misteriosa e calada de Deus dentro de nós deve tornar-se cada vez mais uma realidade, melhor tornar-se A realidade nas nossas vidas.
Esta realidade deve dar significado, forma e finalidade a tudo o que fazemos e tudo o que somos.
Espírito de oração- É uma aprendizagem. Precisamos de nos concentrar e esperar. Tornarmo-nos conscientes de nós mesmos.
Somos criados por Deus. Temos uma origem divina. Deus é o nosso Criador que nos cria a cada instante e é também um Pai que nos ama.
Esta é a verdade de nós mesmos que precisamos de interiorizar na oração e na meditação.
A nossa vida é mesquinha, banal, insignificante, aborrecida e entediante quando nos esquecemos desta verdade: somos filhos adotivos de Deus e fomos redimidos (salvos por Jesus Cristo); somos templos do Esp Santo.
Na oração profunda, encontramo-nos a nós mesmos e encontramo-nos com Deus. Só sendo nossos (de nós mesmos) de uma forma consciente, é que nos podemos dar a Deus.

sábado, 3 de novembro de 2012

SER SANTO HOJE

 
É possível ser santo hoje em dia?
    Claro. Esse é o mesmo ideal de qualquer cristão. Contudo, atenção! Ser santo não significa ir para um calendário, mas parecer-se com Deus, que é verdadeiramente santo: «Santo, Santo, Santo é o Senhor!», proclamam os crentes na missa.
    Deus é Amor, diz-nos São João. Trata-se, portanto, de amar. Se queres saber o que isso significa, olha para Jesus. Ele é o modelo dos santos. Para amares como Jesus, deixa-te imbuir do Espírito Santo que Ele nos enviou.
Os santos são, muitas vezes, representados a rezar. Contudo, ser santo não é passar a vida numa igreja, mas viver com amor a vida de todos os dias. E foi em Deus que todos os santos encontraram força para viverem assim até nos mais pequenos pormenores.
Ser santo é procurar Deus ao longo da vida, amando todos aqueles que Ele põe no nosso caminho. Podemos dar alguns passos em falso, andar para trás, e mesmo cair. Mas o essencial é voltar sempre a partir, pôr-se de pé e ter confiança.
Algumas das pessoas que procuram Deus são mais conhecidas e propostas como modelos para todos os cristãos. Mas muitas outras, apesar de serem desconhecidas, são tão santas como essas. Talvez até conheças alguma delas na tua família, na cidade onde vives, ou entre aqueles com quem convives…