Número total de visualizações de página

terça-feira, 10 de maio de 2011

CORTESIA E BOAS MANEIRAS -6

.

OS TEUS AVÓS
.
- Deves um particular carinho aos teus avós.
As suas rugas e cabelos brancos merecem todo o respeito e carinho.
Seria triste que a tua avó ou o teu avô, falando de ti, tivesse de dizer sem faltar à verdade: «O meu neto/a só se interessa de mim quando lhe cheira a algum presente.»
- As pessoas idosas são as que mais sentem essa coisa horrível que é a fria solidão.
Serão os jovens que, com o calor do seu afecto, manterão nas famílias um ambiente de calor humano.
Faz-lhes companhia, escuta as suas histórias, não te irrites com as suas «manias» e ajuda-os sempre que necessário.
Não é verdade que devemos tratar os outros como gostaríamos que nos tratassem a nós?
.
Dia-a-dia familiar
.
- Logo ao levantar, saúda os teus pais:
«Bom-dia, pai! Bom-dia, mãe! Dormiram bem?»
Na tua saudação cordial vai uma lufada de optimismo que ajudará a começar bem o dia.
- Procura ser útil a cada momento do dia.
Se eles te derem qualquer ordem, responde:
«Vou imediatamente! Precisa de mais alguma coisa?»
Esta atitude de serviço manifesta-se a cada momento.
Custa muitas vezes tomar uma atitude de serviço.
Mas, quem opta este projecto de servir o próximo, descobrirá que a felicidade está aqui.
Tornamo-nos felizes, fazendo os outros felizes.
- Quando estiveres em casa, evita ruídos inúteis.
Não fales a gritar nem em tom elevado.
Também não deves encher a casa com música tão alta que incomodes os teus pais.
Não são obrigados a gostar dos teus ritmos preferidos!
E depois das dez da noite, nada de barulho, para que os vizinhos possam dormir.
Ele enterra-se no sofá a ler o jornal ou a ver televisão.
Parece querer estar só.
Mas, por vezes, é o momento ideal para te sentares ao seu lado e conversares com ele alegremente.
- Se tens necessidade de que eles te comprem qualquer coisa, pede-lho com muita delicadeza: «Mãe, eu precisava de comprar... Pode ser?», «Pai, eu bem sei que estou sempre a importunar-te, mas precisava de...» É tudo uma questão de delicadeza.
Tirar o dinheiro às escondidas é coisa que nunca deves fazer e, se não te derem o que desejas, não deves mostrar-te amuado por isso.
(Continua)
- Quando o teu pai volta do trabalho, vai ao seu encontro, e procura mostrar-te afectuoso e diligente.

Sem comentários:

Enviar um comentário