Número total de visualizações de página

terça-feira, 9 de agosto de 2011

CORTESIA E BOAS MANEIRAS -20


A ESTÉTICA
- A estética trata da beleza.
Deves começar por aceitar-te tal como és.
Alto(a) ou baixo(a), gordo(a) ou magro(a)…
Os mass-média apresentam manequins e parecem convencer que a beleza está em ter as suas medidas, ser semelhantes a eles. Não te deixes iludir e aceita o teu corpo tal como é.
Mas não te esqueças que a maior beleza não é a beleza exterior, mas a beleza que está dentro de ti: se tiveres boas ideias, boas palavras, bons sentimentos, bom coração, generosidade, bondade, fé em Deus, esperança, amor.

- Mas, simultâneamente, deves valorizar-te.
Um jardim com cores alegra a vista, se as flores estão bem cuidadas, mesmo que sejam flores simples.
Mas não será belo um jardim de espécies muito raras, se o seu aspecto é deplorável.
Beleza significa valorizar o que há em ti.

- Esta valorização passa, por exemplo, por uma alimentação correta e pelo exercício físico.
Os adolescentes que passam o dia a comer doces, ou que passam horas em frente do computador e TV, não se podem queixar se depois engordam mais do que desejariam.
Os jovens que não praticam desporto não podem ter um corpo são.

- Também a beleza pede que estejas atento ao modo de vestir.
Vivemos numa sociedade de consumo.
Isto significa que a produção se deve manter e para isso é preciso comprar e é preciso mudar o produto para que o consumidor compre de novo. Isto aplica-se em todos os campos, sobretudo no vestuário.
Cada temporada muda de estilo, de tecidos e de cores.

Deves situar-te criticamente ante esta sociedade consumista, não se deixando escravizar pela moda de cada estação.
Veste simplesmente aquela roupa com a qual te sentes bem. Com simplicidade e bom gosto e com dignidade, com pudor, de forma honesta, com um certo recato e pudor.
Há certas formas de vestir em que a pessoa revela pouco respeito por si mesma e pouco respeito pelos outros...
Há roupa provocadora, atrevida e que revela pouco amor próprio, pouco sentido da dignidade humana.
Uma coisa é estar em casa, outra coisa é andar na rua, outra coisa é ir à igreja, outra coisa é estar na praia.
É preciso saber distinguir os lugares e a forma de vestir apropriado ao lugar e situação.


Sem comentários:

Enviar um comentário