Número total de visualizações de página

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

JESUS SALVADOR DO MUNDO


O AMOR CRISTÃO
 
Muito se fala de amor: canções, poesias, festivais, filmes, novelas, conversas.
Amor humano que tem de ser bem entendido, pois muitas vezes usa-se a palavra “amor”, mas que de amor verdadeiro, às vezes, é quase zero.
A Bíblia é uma carta de amor de Deus por toda a Humanidade.
Antes de morrer, Jesus deixou aos Apóstolos e seus seguidores o mandamento novo do amor: “amai-vos uns aos outros como Eu vos amei...
É esse o sinal de que sois meus discípulos: se vos amardes uns aos outros”.
O amor é o essencial, o resumo da mensagem cristã; o núcleo do evangelho e da doutrina de Jesus Cristo.
A perfeição humana (santidade) e a transformação do mundo pode acontecer pelo amor. Com o amor (verdadeiro e autêntico) pode conseguir-se tudo.
Porém, temos de perceber que há muitas caricaturas (falsidades) do amor.
Estamos na terra para amar. A nossa missão como seres humanos mais essencial, é amar. Uma pessoa sem amor (se não gostasse de ninguém, não fizesse bem a ninguém), essa pessoa seria um inútil, não serviria para nada.
Fomos criados por Deus que é Amor, para amar.
Tal como pelos fios de luz circula a corrente elétrica, assim a nossa vida deve fazer circular e transmitir palavras e gestos de amor (o mais puro possível= desinteressado =caridade).
Há muitas formas de entender a palavra amor e amar: compreender, aceitar, ter olhos limpos e puros, acolher o outro sem julgar, estender a mão a um amigo sem esperar nada em troca.
O verdadeiro amor é centrado nos outros (dar): em Deus (o Totalmente Outro) e nos outros seres humanos e até amor aos animais.
O contrário do amor é o egoísmo (receber): amor centrado em nós.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário